7

OBTENÇÃO DE VISTO DE TURISMO PARA ESTRANGEIROS NO BRASIL

Documentos necessarios:       

1) Passaporte com pelo menos duas folhas não preenchidas, com prazo de validade do passaporte no mínimo de 6 meses, depois de data de saida da Rússia; 

2) Formulário preenchido digitalmete (http://visa.kdmid.ru), impresso, assinado e com a foto colada (foto colorida ou em preto e branco, tamanho 3,5x4,5);

3) A Confirmação de prestação de serviços pela  Agência de Viagens (ou Hotel), que vai receber o turista;

4) Voucher turístico providenciado pela Agência de Viagens ou Hotel credenciados pela Agência Federal de Turísmo da Federação da Rússia - ROSTURISM, que contem as seguintes informações: número próprio do Voucher; nome completo do Requerente; prazo da estadia do turista na Rússia (datas de entrada e saida); nome de Agência de Viagens russa, que vai receber turista; a estimativa dos serviços a serem prestados (transfer, estadia no Hotel, excurções etc. e o itinerário). Voucher pode ser solicitado junto com a confirmação de prestação de serviços pela Agência de Viagens ou Hotel;

5) Confirmação de passagens aereas de ida e volta;

6) Apólice de Seguro de Saúde, obrigatório das Seguradoras, que tem o acordo assinado com seus parceiros na Rússia (mais a fotocópia do Apólice). As datas da estadia do turista indicadas no Apólice de Seguro devem coincidir com os dias de vinda e partida marcados nos outros documentos a serem apresentados. 

7) Carteira de Identidade de Estrangeiro (RNE) ou visto permanente brasileiro.
 
A emissão do visto será recusada se o Requerente não apresentar um dos documentos mencionados ou se haver qualquer discordância nos documentos.

Duarnte a visita à Rússia a bordo de um cruzeiro a obtenção do visto somente é necessária se o navio permanecer no território da Rússia mais de 72 horas (3 dias) ou se o turista planeJar sair do navio para a cidade separadamente do grupo turístico organizado pelo próprio cruzeiro.

São Petersburgo e Região de Leningrado - Vistos Eletrónicos

A partir de 1 de outubro de 2019 os cidadãos dos países enumerados abaixo poderão obter vistos eletrónicos de turísmo, de negócios e humanitários, todos de uma entrada, para viagens ao São Petersburgo e região de Leningrado, através de preenchimento do formulário no portal http://electronic-visa.kdmid.ru/

Os países são: Áustria, Andorra, Barém, Bélgica, Bulgária, Vaticano, Hungria, Alemanha, Grécia, Dinamarca, Índia, Indonésia, Irão, Irlanda, Islândia, Espanha, Itália, Catar, Chipre, China (incluindo Taiwan), Coreia do Norte, Kuwait, Letónia, Lituânia, Listenstaine, Luxemburgo, Malásia, Malta, México, Mónaco, Países Baixos, Noruega, Omã, Polónia, Portugal, Roménia, São Marino, Arábia Saudita, Macedónia do Norte, Sérvia, Singapura, Eslováquia, Eslovénia, Turquia, Filipinas, Finlândia, França, Croácia, República Tcheca, Suíça, Suécia, Estônia e Japão.

O documento eletrónico é gratis, sendo emitido na base do pedido do cidadão estrangeiro acompanhado pelo ficheiro digital da fotografia do requerente. O pedido deve ser feito com quatro ou mais dias de antecedência à data da entrada pretendida. Não se exige nenhum documento adicional durante o processamento do formulário.  

O visto eletrónico terá validade de 30 dias a partir da data de emissão, sendo possível, dentro do prazo de validade, estar em São Petersburgo e região de Leningrado até 8 dias a partir da data da entrada.

Os vistos eletrónicos só serão validos para entradas efetuadas diretamente pelos postos de fronteira de São Petersburgo e região de Leningrado, nomeadamente:

posto de controlo no aeroporto "Pulkovo";

postos de controlo rodoviários "Ivangorod", "Torfianovka", "Brusnichnoye", "Svetogorsk";

posto de controlo pedonal "Ivangorod";

postos de controlo marítimo "Visotsk", "Grande Porto de São Petersburgo", "Porto de passageiros de São Petersburgo".

Não é permitida a entrada com este tipo de visto por meio de transporte ferroviário.  

Os cidadãos estrangeiros que receberam vistos electrónicos para visitar a cidade de São Petersburgo e região de Leningrado têm direito de permanecer e circular apenas no território de São Petersburgo e região de Leningrado. Não é permitida a entrada com tais vistos para o resto da Federação Russa com a finalidade de viajar em trânsito para São Petersburgo e região de Leningrado ou sair deles, inclusive através das zonas da escala internacionais nos outros aeroportos russos.

As empresas de transporte terão acesso à possibilidade de verificação dos vistos eletrónicos através do portal https://evisacheck.kdmid.ru. Informações sobre o procedimento de verificação (em russo e inglês) estarão disponíveis no mesmo portal.

 

Kaliningrado - Vistos Eletrónicos

A partir de 1 de julho de 2019 os cidadãos dos países enumerados abaixo poderão obter vistos eletrónicos de turísmo, de negócios e humanitários, todos de uma entrada, para viagens à região de Kaliningrado através de preenchimento do formulário no portal http://electronic-visa.kdmid.ru/

Os países são: Áustria, Andorra, Barém, Bélgica, Bulgária, Vaticano, Hungria, Alemanha, Grécia, Dinamarca, Índia, Indonésia, Irão, Irlanda, Islândia, Espanha, Itália, Catar, Chipre, China (incluindo Taiwan), Coreia do Norte, Kuwait, Letónia, Lituânia, Listenstaine, Luxemburgo, Malásia, Malta, México, Mónaco, Países Baixos, Noruega, Omã, Polónia, Portugal, Roménia, São Marino, Arábia Saudita, Macedónia do Norte, Sérvia, Singapura, Eslováquia, Eslovénia, Turquia, Filipinas, Finlândia, França, Croácia, República Tcheca, Suíça, Suécia, Estônia e Japão.

O documento eletrónico é gratis, sendo emitido na base do pedido do cidadão estrangeiro acompanhado pelo ficheiro digital da fotografia do requerente. O pedido deve ser feito com quatro ou mais dias de antecedência à data da entrada pretendida. Não se exige nenhum documento adicional durante o processamento do formulário.  

O visto eletrónico terá validade de 30 dias a partir da data de emissão, sendo possível, dentro do prazo de validade, estar na região de Kaliningrado até 8 dias a partir da data da entrada.

Os vistos eletrónicos só serão validos para entradas efetuadas diretamente pelos postos de fronteira da região de Kaliningrado, nomeadamente: 
posto de controlo no aeroporto "Kaliningrad-Khrabrovo";
postos de controlo rodoviários "Bagrationovsk", "Gusev", "Mamonovo (Grzechotki)", "Mamonovo (Gronovo)", "Morskoe", "Pogranichny", "Sovetsk", "Chernyshevskoe";
postos de controlo ferroviários "Sovetsk", "Mamonovo";
posto de controlo marítimo "Kaliningrad" (cidades de Kaliningrado, Baltiysk, Svetly). 

As seguintes companhias aéreas oferecem vôos diretos dos países estrangeiros para o Aeroporto Khrabrovo (região de Kaliningrado): Belavia (Bielorrússia, Minsk), Onur Air (Turquia, Istambul), Airbaltic (Letónia, Riga), Lot Polish Airlines (Polônia, Varsóvia/Alemanha, Berlim).

Os cidadãos estrangeiros que receberam vistos electrónicos para visitar a região de Kaliningrado têm direito de permanecer e circular apenas no território da região de Kaliningrado. Não é permitida a entrada com tais vistos para o resto da Federação Russa com a finalidade de viajar em trânsito para a região de Kaliningrado ou sair dela, inclusive através das zonas da escala internacionais nos outros aeroportos russos.

As empresas de transporte terão acesso à possibilidade de verificação dos vistos eletrónicos através do portal https://evisacheck.kdmid.ru. Informações sobre o procedimento de verificação (em russo e inglês) estarão disponíveis no mesmo portal.

 

Informação sobre vistos de trânsito para cidadãos estrangeiros que passam pelo território da Rússia

com destino a Bielorrússia e Cazaquistão

A partir de 1 de julho de 2011, de acordo com o plano de ações sobre a formação da união aduaneira no quadro da comunidade econômica euroasiática, todos os tipos de viagem entre os países-membros da união aduaneira – Bielorrússia, Rússia, Cazaquistão, são considerados como internos o que pressupõe a ausência da oficialização limítrofe e aduaneira na fronteira dos países-membros. O direito do trânsito de 24 horas sem visto não recai sobre os cidadãos dos países terceiros que seguem através do território da Federação da Rússia aos países da união: eles tem que oficializar vistos de trânsito.

 

Vistos para os nacionais de Turquia a partir de 01.01.2016

A partir do 01.01.2016 o Acordo entre a Rússia e a Turquia sobre as condições das viagens mútuas fica temporalmente suspendido, no que se refere aos nacionais de Turquia - titulares de passaportes ordinários, os que a partir desta data deverão tratar dos seus vistos para ir para a Rússia. Os nacionais de Turquia que entraram no território russo antes do 1 de Janeiro de 2016, poderão permanecer e sair da Rússia sem vistos sempre que a sua estadia não supere os 30 dias a partir da data de entrada.

Esta medida não abrange os casos seguintes:

1) Nacionais de Turquia titulares de permissos ou autorizações de residência na Rússia;

2) Titulares de passaportes especiais ou de serviço quem deslocam-se para a Rússia para um prazo não superior a 30 dias;

3) Titulares de passaportes especiais ou de serviço quem dirigem-se para os seus postos de trabalho nas representações diplomáticas e consulares da Turquia na Rússia, assim como também os membros da família deles - portadores de passaportes especiais, ou de serviço, ou ordinários;

4) Titulares dos documentos de marinheiros (seaman's book) quando entrar apresentando o "muster roll" ou um extracto deste.